Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Paulinho (da feira para a montra)

por Hugo Sampaio, em 06.06.16

 

 

 

Portas é um habitué da negociata, do facilitismo e do amiguismo. Há muito que serve de facilitador para negócios entre amigos e comparsas. 

Desde a sua primeira passagem por um governo que Paulo Portas é perseguido por manchetes e por um cheirinho a promiscuidade. Desde Portucale, Moderna, Submarinos a Vistos Gold, tudo cabe no invejável curriculum de Paulo Portas. 

A dança das cadeiras não poderia continuar sem tocar no Paulinho. 

Portas é convidado para a Mota Engil depois de ter liderado, como ministro dos negócios estrangeiros, várias missões em que a Mota Engil participou. É ilegal? Não. Deveria ser? Sim. Pelo menos eu acredito que sim. Já que a idoneidade não faz ex detentores de cargos públicos migrarem para empresas privadas enriquecendo-as com conhecimentos e contactos que adquiriram nos seus cargos que seja a lei a garantir a transparência.  

Alguém duvida que Paulo Portas foi contratado por causa dos conhecimentos que adquiriu e dos contactos que fez enquanto membro de um governo?

Por isso mesmo é que devemos discutir e voltar a trazer a debate a alteração do regime de titulares de cargos públicos. 

Por situações como esta, como a de Maria Luís Albuquerque e tantas outras. Por serem tantas as situações injustas, imorais e inaceitáveis. 

 

 

PS: Portas também vai voltar ao comentário politico lavando a imagem que tanto tem borrado enquanto critica as politicas de outros, tentando fazer esquecer que também ele foi membro de executivos com pastas manchadas por si.  

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:34

Para que não restem dúvidas

por Hugo Sampaio, em 27.05.16

Para quem tinha dúvidas da posição do Psd e do Cds acerca dos contratos de associação é seguir o link da noticia.

Este é o motivo de tanto burburinho, este é o motivo de tanta indignação. É uma discussão que o PSD e CDS tornaram politica e ideológica deixando a questão orçamental e a de defesa das crianças e do nosso futuro para segundo plano.

Talvez todo este barulho, todas estas manifestações que envolvem tanta logistica sejam o motivo de Paulo Portas já ter faltado 16 vezes ao Parlamento alegando "trabalho politico".

O movimento que defende a destruição da escola pública veste de amarelo e tem o apoio do PSD e do CDS.

 

Noticia

9442829f700dccac5f2580a930726da8_XL.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:04

Portas entrega o Pin

por Hugo Sampaio, em 29.12.15

 

Sozinho, fixo no espelho e com um lágrima no canto do olho, Paulo Portas, retira o Pin da lapela, coloca-o numa caixinha e aperta-a contra o peito, ao fundo ouve-se o passado a chamar.

Talvez vencido pelo cansaço de 16 anos na frente do partido, talvez por ter causado demasiado dano ao país, Paulo Portas decide sair dos holofotes retirando-se da politica (será mesmo?). Os últimos 4 anos de Portas e Passos no governo foram degradantes para o estado social, juntos conseguiram colocar o serviço nacional de saúde, os transportes, a educação, a vida dos trabalhadores,etc, no caminho da destruição. 

Portas toma agora a decisão correcta depois de tanto degradar a vida dos portugueses, é um favor que faz à politica e ao povo, resta-nos agora esperar que Passos saia da bebedeira egocêntrica e siga o mesmo caminho. Portugal precisa de uma esquerda forte mas precisa também da cooperação de todos os partidos e para isso é necessário rejuvenescer as linhas partidárias removendo a antiga casta de políticos com demasiadas ligações duvidosas a empresas que administram cursos de formação em aeródromos

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:47

Perito em cambalhotas apoia polvo bafiento. #BFF

por Hugo Sampaio, em 12.12.15

Marcelo corre, a seu ver sozinho. Quer ser desesperadamente daqueles jogadores de futebol que ao entrarem em campo se esquecem que do outro lado existe um adversário, embriagado pelo narcisismo e esquece que esse adversário pode ser mais forte e capaz.

Na corrida contra o espelho, Marcelo esquece, por exemplo, a experiência de Marisa Matias, a eloquência de Sampaio da Nóvoa, ou até o populismo de Maria de Belém.

Ah (suspiro), Marcelo, esse habitué de vitórias eleitorais, esse homem (ler polvo) politico que tanto fez por este país, mas só atrás de uma secretária num qualquer horário nobre com perguntas combinadas. 

Mais que uma candidatura de um politico que abomino pelo cheiro a antigo regime que transporta consigo, é uma candidatura de uma direita perdida na cegueira ideológica, tão perdida que Portas, o perito em cambalhotas e arqui-inimigo de Marcelo, manifesta o apoio a este candidato sem hesitar e note-se, sem morder a lingua. 

#BFF corações e assim 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:18

 

 

 

Somos o que escolhemos ser"

 

Este é o titulo da biografia de Passos Coelho e começa mal logo pelo titulo. Sim, na vida temos muitas escolhas mas nem sempre e nem todos podemos ser aquilo que desejamos. Por exemplo, milhares de portugueses querem trabalhar e só encontram estágios promovidos por este governo, muitos querem estudar e não conseguem bolsas nem apoios, muitos querem uma vida digna mas só têm pobreza e precariedade. Muitos querem estar perto das famílias mas Passos pedes-lhe que emigrem.

O próprio Passos Coelho podia ser muita coisa, por exemplo, podia ser um bom primeiro ministro, mas não é, podia ter o desejo de ajudar os desempregados, os reformados, os precários, etc., mas escolheu ajudar as grandes empresas. Passos podia elogiar muitos gestores mas decidiu que o merecedor desses elogios era Dias Loureiro. Passos Coelho podia cumprir promessas eleitorais mas preferiu mentir aos portugueses. A vida é cheia de escolhas e Passos escolheu ser o pior primeiro ministro que tenho memória.

 

Passos escolheu também lançar uma bomba no seio da coligação dias após o enlace matrimonial entre PSD/CDS dizendo coisas como: 

 

Fui almoçar e quando ia a caminho da comissão permanente, às 15h00, recebi um SMS do Dr.. Paulo Portas a dizer que tinha reflectido muito e que se ia demitir".

 

Claro que o CDS já respondeu pela voz de Diogo Feio.

 

Era bom também que o livro dissesse de que forma o primeiro-ministro informou Paulo Portas sobre o nome da nova ministra das Finanças”

 

A coligação que quer governar o país e acha que tem muita estabilidade está modo navio Vasa que naufragou na viagem inaugural após navegar menos de uma milha. 

 

Noticia Expresso 

Resposta CDS no Económico

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:59

A blink to the boys

por Hugo Sampaio, em 10.04.15

"A melhor forma de reduzir os ‘boys’, é reduzir os ‘jobs’" diz Pedro Mota Soares quando confrontado com o facto de em 14 nomeações para os Centros Distritais de Segurança Social 11 serem militantes do PSD e 3 do CDS. Pedro Mota Soares está já bem habituado a ajudar a reduzir jobs mas não para os boys, só para os comuns portugueses. É também um autentico profissional a esconder os verdadeiros números do desemprego colocando desempregados em cursos ou a trabalhar em estágios beneficiando as empresas privadas à custa das exploração dos desempregados.

De nomeação duvidosa em nomeação duvidosa vamos vivendo tempos de descaramento total em que os cargos públicos são distribuídos como se de uma coligação se tratasse, 11 para mim 3 para ti, uma distribuição das cadeiras pelos partidários sem o menor respeito pelo mérito dos concorrentes mas olhando ao cartão de filiação num ou noutro partido.

Ficamos a saber também por estes dias que o governo nomeou um gestor para gerir fundos comunitários, gestor esse que foi chumbado pela Cresap.

Parece que a Cresap não tem grande função. Ou escolhe boys do governo ou quando chumba um deles o parecer é ignorado e o candidato é escolhido à revelia. Parece ser uma comissão criada para tentar lavar a cara das nomeações feitas sempre por debaixo da mesa.

 

Nomeados (original em Esquerda.net)

 

Braga

Rui Miguel de Meira Barreira

CDS

Ex-assessor do grupo parlamentar do CDS, deputado municipal em Guimarães e ex-líder da concelhia do CDS de Guimarães; nomeado entre 25 candidatos.

Bragança

Martinho Eduardo Nascimento

PSD

Vice-presidente da mesa da Assembleia Distrital do PSD; nomeado entre 10 candidatos.

Castelo Branco

 António de Melo Bernardo

 PSD

 Candidato pelo PSD no círculo de Castelo Branco em 2005; nomeado entre 16 candidatos.

Beja

 Helena Maria Fernandes Branquinho Morgado Barreto

 CDS

 Militante do CDS; nomeada entre 26 candidatos.

Coimbra

 Ramiro Ferreira Miranda

 PSD

Notas: Ex-deputado municipal eleito pelo PSD em Condeixa-a-Nova; nomeado entre 14 candidatos.

Évora

 Sónia Cristina Silva dos Ramos

 PSD

 Vice-presidente da distrital de Évora do PSD até novembro de 2011; nomeada entre 19 candidatos.

Guarda

Jacinto Dias

PSD

Presidente da Junta de Freguesia de Panóias de Cima. Ex-vereador da Câmara Municipal da Guarda e ex-líder da concelhia da Guarda do PSD; nomeado entre 18 candidatos.

Leiria

Maria do Céu Costa Bogalho Mendes

PSD

Integrou a lista do PSD à Câmara Municipal de Leiria; nomeada entre 19 candidatos.

Lisboa

Maria do Céu Costa Bogalho Mendes

Partido: PSD

militante do PSD; nomeada entre 33 candidatos.

Santarém

Tiago Sampaio e Melo Marques Leite

CDS

Ocultou do CV que fora candidato a presidente da Câmara de Santarém e candidato a deputado em 2011 pelo CDS. Até dezembro de 2011 foi chefe de gabinete do secretário de Estado Filipe Lobo D'Avila, indicado pelo CDS; nomeado entre 23 candidatos.

Portalegre

João Carlos Vintém Laranjo

PSD

Diretor distrital da campanha de Passos Coelho nas legislativas de 2011 e foi presidente da concelhia do PSD de Portalegre; nomeado entre 10 candidatos.

Viseu

Armindo Telmo Antunes Ferreira

PSD

Presidente da Câmara Municipal de Vouzela durante 11 anos; nomeado entre 25 candidatos

Viana do Castelo

João Paulo Coelho Órfão

PSD

Vice-presidente da concelhia do PSD de Viana do Castelo; nomeado entre 30 candidatos.

Vila Real

 José Augusto Borges Rebelo

 PSD

 

Noticias:

Jornal de negocios

Publico

Esquerda.net

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:45

Não estou nem aí!

por Hugo Sampaio, em 06.04.15

Podia estar a preparar um post sobre o tempo ou sobre os problemas que vou ter para desgastar tudo que ingeri neste período, mas não,  Pedro Santana Lopes decidiu atirar ao ar o nome de Paulo Portas como um potencial bom candidato a Belém e vai daí uma pessoa solta gargalhadas, o próprio neurónio de Santana deve ter soltado gargalhadas. É normal que Portas tenha reagido com um "não estou nem aí", nem está ele nem está ninguém no seu perfeito juízo. Portugal já teve a sua dose de Paulinho das feiras para muitos e bons anos. A possível reeleição desta coligação nas próximas legislativas já é ameaça suficiente a pairar no ar e vem Santana assustar a gente? Volte lá para dentro que tem muito que fazer na Santa Casa.

Futuro Santa Casa em risco (link)

Apodrece Tuga, Santa Casa (link)

Entrevista SicNoticias

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:30

O irrevogável relógio do Paulinho

por Hugo Sampaio, em 16.12.13

O senhor vice-primeiro ministro, vulgo Paulinho das feiras, decidiu apresentar um relógio com a contagem decrescente para a saída da troika de Portugal. Ora, ou o relógio foi adquirido em algum negócio da China ou alguém se esqueceu de o acertar depois da compra, é que pelo menos até 2040 vamos ter em Portugal inspectores.

 Parece-me que aqueles 6 meses vão durar 26 anos a passar. Podemos até deixar de ter cá a troika e ser só o BCE com um programa cautelar ou outra coisa qualquer, mas o resultado para nós, os mais pequenos, será sempre o mesmo. Serão sempre os mais pobres a pagar a crise enquanto os mais ricos enriquecem, será sempre à custa do trabalho dos mais pobres e não dos lucros dos grandes grupos económicos, será sempre à custa dos reformados e à custa da destruição do estado.

Parece-me que até às eleições europeias o discurso do governo será a mentira da recuperação económica, da ilusão que 2014 será o ano da prosperidade e que o PSD e este governo foram os responsáveis pela (hipotética) saída da troika. Não esqueçamos que atrás das costas esconderão a verdadeira realidade do país e um segundo resgate (programa cautelar ou lá o nome que quiserem dar)...

Até lá teremos muito populismo barato e muitas irrevogáveis saídas

http://www.ionline.pt/artigos/dinheiro/bce-portugal-tera-mais-programa-seguir-ao-actual-resgateImagem

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:16

Sabujice

por Hugo Sampaio, em 21.10.13
A mentira é das coisas mais desprezíveis e ao mesmo tempo das mais reveladoras de carácter que  pode existir. Na cara da mentira vemos a ética de quem a profere, vemos a personalidade da pessoa, clara e límpida como a mais pura das águas. A mentira vem muitas vezes acompanhada pela famosa "cara de pau", que é aquela cara de quem mente, sabe que está a mentir e, pior que tudo, sabe que toda a gente sabe que está a mentir. A "cara de pau" é aquela cara que acompanha grande parte do elenco ministral deste governo. É aquela cara com que Maria Luís Albuquerque disse que não tem dinheiro em nenhuma conta, é aquela cara com que Paulo Portas........, nasceu.As mentiras atrás de mentiras que estes senhores proferem, a cara com que as dizem, os seus sorrisos amarelos e de ironia e o à vontade com que o fazem só mostram o tipo de pessoa que são, só mostram a pobreza de espírito com que foram brindados à hora da nascença.Meus senhores, não queiram ver a fibra de que este povo é feito.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:23


Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D