Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Mais Angola, menos liberdade.

por Hugo Sampaio, em 01.04.16

A sentença saiu, a liberdade perdeu.

Há quem nunca tenha duvidado do regime que é Angola e há quem, por uma irmandade politica ou por outra coisa qualquer, não vê nem quer ver as atrocidades que se vivem naquele país a bel prazer de um Presidente, que não é nada menos que um ditador.

Angola tem um peso gigantesco em Portugal, a economia vive refém dos interesses económicos da filha de um ditador e para além dos interesses económicos há, claro, pressões politicas.

O Bloco, muito bem, apresentou um voto de condenação sobre a repressão em Angola apelando à libertação de activistas detidos. 

Os jovens activistas foram acusados de co-autoria de actos preparatórios para uma rebelião, ou seja, foram julgados e presos por promoverem a leitura do livro "Da ditadura a democracia".

P: Podemos traduzir isso?

R: Sim, podemos.

Um grupo de jovens foi julgado e preso por exercer direitos fundamentais consagrados na Declaração Universal dos Direitos Humanos.

 

 

“Toda a pessoa tem direito à liberdade de pensamento, de consciência e de religião”

 

Infelizmente o voto de condenação apresentado pelo Bloco foi chumbado porque, mais uma vez, o parlamento portugues decidiu não entrar em conflito com o seu amado regime angolano. 

Do PSD e do CDS já não há surpresas, colocam-se sempre do lado do dinheiro e dos interesses, é como o teste do algodão.

Quanto ao PCP, partido defensor das liberdades e que tanto fez por este país, gosta de se colocar demasiadas vezes de mãos dadas com regimes de partidos seus irmãos.

Parece que para o PCP este artigo da Declaração Universal dos Direitos do Homem tem um leitura diferente: "toda a pessoa tem direito à liberdade de pensamento, de consciência e de religião desde que não seja em Angola, na China, na Coreia...(introduzir mais regimes a gosto)"

 

Voto apresentado pelo Bloco

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:03



Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D